Considerações Acerca da Encoprese como Sintoma Clínico Infantil

Considerações Acerca da Encoprese como Sintoma Clínico Infantil
4.6           Avaliação 4.60 (5 Avaliações)
(Tempo de leitura: 7 - 13 minutos)

Resumo: A encoprese é caracterizada como transtorno do controle esfincteriano em que ocorre eliminação das fezes repetidas vezes em locais inadequados. Através de um viés psicanalítico podemos compreender a encoprese como um sintoma de um corpo pulsionalizado, para além do biológico, atravessado e demarcado pela linguagem, sendo as fezes também um objeto de satisfação. Para que esse corpo seja estruturado como linguagem é necessário que se constitua através de um Outro, que lhe signifique para além de sua conotação orgânica – o mesmo acontece com as fezes.  

Palavras-Chave: Encoprese, Psicanálise, Clínica Infantil, Fezes.

 

Informar um Erro Publique Seu Artigo